18.9.09

Improvise, seja imprevisível.

E quem não gosta do imprevisível?
A surpresa e a sensação de que não temos o controle das coisas como pensamos ter, nos atrai.
Somos controlados por algo maior e o fato de não sabermos o que vai acontecer é o que dá graça nos fatos e na vida.
As pessoas, quando se tornam previsíveis ficam chatas, pequenas, fechadas em um mundo de idéias que não se ampliam. Idéias que não saem da caixa. Não fazem ninguém rir, não são marcantes de alguma forma, e não se tornam únicas.
Ser imprevisível não faz parte da personalidade... penso ser uma questão de treino. Se a cada dia tomarmos uma atitude que surpreenda a nós mesmos, nossa vida seria bem mais interessante. Depois aplicamos aos outros.
Essas atitudes precisam nos mostrar que as coisas estão em constante mudança e nós também, reciclando nossos pensamentos e a forma de agir com os outros e conosco.
Nada do que é muito planejado dá certo, os momentos não voltam, então precisamos aprender a surpreender a nós mesmos.

Bjs Dé

Um comentário:

Toiço disse...

Vamos ser imprevisiveis??? InterUnesp dia 9-10-11-12 de outubro!!!!!!!
Se surprienda!!!!!
bjaooo